terça-feira, 5 de maio de 2015

Estudo de egressa da Udesc sobre gestão social na Grande Florianópolis é apresentado em evento

Administradora pública Neide Broering, formada pela Esag, elaborou trabalho sobre rede de associações de bairro em Santo Amaro da Imperatriz


A administradora pública Neide Lara Broering participou esta semana de um encontro acadêmico em Minas Gerais para apresentar um artigo, elaborado a partir de sua experiência de estágio, abordando a contribuição da rede de Associações de Moradores dos Bairros de Santo Amaro da Imperatriz para o fortalecimento da cidadania no município.

Escrito em conjunto com seu orientador, professor Daniel Pinheiro, o artigo foi apresentado no 5º Encontro Mineiro de Administração Pública, Economia Solidária e Gestão Social (Emapegs), encerrado nesta quinta-feira, 24, na Universidade Federal de Lavras (Ufla).

Outro artigo dos mesmos autores, com a mesma temática, será apresentado na 10ª Conferencia Regional da  Sociedade Internacional para Pesquisa do Terceiro Setor (International Society for Third-Sector Research - ISTR), que será realizada em agosto, nas cidades de San Juan e Ponce, em Porto Rico.

Fomento à cidadania

Com o título "A rede de associações de moradores de Santa Amaro da Imperatriz como instrumento de fomento à cidadania", o trabalho de estágio supervisionado de Neide abordou sua atuação como bolsista voluntária no projeto de extensão Esag SocioAmbiental, desenvolvido no Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag).

O estudo analisa a dinâmica da rede de associações de moradores existente em Santa Amaro da Imperatriz e busca compreender como ela contribui para o processo de fortalecimento do exercício da cidadania no município da Grande Florianópolis.

O estágio incluiu um trabalho de intervenção e, na época de sua elaboração, Neide se envolveu diretamente no processo de articulação da rede, participando de reuniões e aplicando metodologias, aprendidas durante a graduação, com os participantes das associações, para ajudá-los a enxergar o seu papel no exercício da cidadania.

A acadêmica também realizou entrevistas com os gestores das associações, o que permitiu uma análise do caso com o suporte teórico de conceitos trabalhados durante o curso de Administração Pública.

O trabalho – que, segundo o professor Pinheiro, é um exemplo de articulação entre o ensino, pesquisa e extensão – resultou em um mapeamento da rede de associações e sua importância, e foi apresentado por Neide à comunidade após sua aprovação na Udesc Esag.

Fonte: UDESC/ESAG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Transparência com Cidadania é tema do Prêmio Boas Práticas em Gestão Pública Udesc Esag 2018

A segunda edição do Prêmio, promovido pela Udesc Esag e uma rede de parceiros, foi lançada no dia 01 de Novembro de 2017. As inscrições...